Número total de visualizações de página

segunda-feira, 7 de abril de 2008

Ronin



O Augusto (2º a contar da esquerda e meu 1º professor de karaté) desafiou-me: ir treinar no passado fim-de-semana a Paredes de Coura com o sensei Vilaça Pinto (1º à esquerda). Treino à antiga, dormindo no dojo, boa comida, boa companhia (da direita para o centro, o Xavier e o Mendes), muita transpiração e muito refinamento técnico.

Perguntar-se-á: que faz um praticante de Goju Ryu num treino de graduados Shotokan? A resposta é simples: esforça-se, aprende humildemente com eles e com o mestre, diverte-se... Este é o karaté que me agrada, sem pensar em graduações, longe das competições e das quezílias.

Sem comentários: