Número total de visualizações de página

quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Um Verão trágico

Longa reportagem da SIC sobre a morte de um golfinho, de mais de cinquenta anos, comove-me quase até às lágrimas -- que só não rompem porque não cortei cebola para o almoço, em que comi salsichas de infeliz porco, com pobres batatas fritas, cortadas aos palitos... Assim decorre este Verão trágico, com um leão de mais de doze anos assassinado vilmente, a esvair-se em sofrimento idêntico ao das suas presas... Há dias, tinha um borracho morto na capoeira. Hoje, pombo doente.
Tudo culpa do governo e da degradação do Serviço Nacional de Saúde. 
Paz eterna para a alma de todos estes pobres animais, feridos cruelmente ou doentes, e das batatas e feijão verde que cortei impiedosamente...

Sem comentários: